segunda-feira, 8 de janeiro de 2018

Bolo de iogurte e laranja - paleo friendly

Fim de semana com casa cheia e crianças que não estão assim tão habituadas ao nosso estilo de vida. O que fazer?

Com certeza já se depararam com situações destas. Há sempre duas opções: ou fazem o que elas estão habituadas ou experimentam receitas que elas gostam e que nem notam que são "diferentes" - sem açúcar e sem trigo. Eu tento sempre a segunda opção - ou não fosse eu :P - porque me custa imenso comprar coisas que não compraria para mim para dar aos outros. Principalmente crianças que estão ali "em bruto" para serem moldadas.

Sábado saiu este bolo de laranja, que foi apreciado!


Precisei de:
5 ovos
4 colheres de sopa de mel
1 laranja
125 g de iogurte grego (usei o grego ligeiro do lidl)
75 g de azeite
200 g de farinha de aveia
1 colher de chá de fermento

Liguei o forno a 180ºC. E cobri uma forma de bolo inglês com papel vegetal. Reservei.
Bati os ovos com o mel e depois juntei o iogurte, azeite e sumo e raspa da laranja. Depois de tudo bem misturado, juntei a aveia e o fermento.


Levei ao forno por 40´.

Cobri com um chocolate quente inventado na hora: em banho maria derreti 30g de chocolate com 70% de cacau, ao qual juntei uma colher de manteiga e duas colheres de sopa de cacau em pó.



Estou a dever-vos isto...

Bom dia a todos os meus leitores! ^_^

Já muita gente me tem dito que o blog, a página, o IG andam meio que adormecidos, outros perguntam o que aconteceu, outros, simplesmente dizem "vá, Cátia! escreve!". E eu, já muitas vezes, disse que realmente não estou a produzir muito e que vai melhorar, mas o que é certo é que ainda não fiz grande coisa para que mudasse. Mas, ano novo, vida nova!, e não há desculpas agora!

Tudo isto tem explicação e eu já vos estou a devê-la há muito tempo. Porque me seguem, porque me acompanham, porque muitos viram a página nascer, porque muitos, seguindo os meus conselhos, alteraram a sua vida.

A vida tem altos e baixos, todos nós sabemos. O ano de 2017, para mim, foi um ano de muitas decisões, muito difíceis, como são todas as decisões que mudam a nossa vida para sempre. Foi um ano de muitas mudanças, muitas adaptações. E tive que canalizar todas as minhas energias para que, no meio de tanta mudança, o mais importante se mantivesse "bem", para que ficasse "melhor ainda" no futuro. Basicamente, dar todo o meu "tempo disponível" ao meu filho, para que ele mesmo passasse por tudo da melhor forma possível. Já em 2018, posso concluir que, pelo menos, essa "tarefa" foi concluída com sucesso ^_^

Dito isto, só vos tenho a dizer "sejam felizes".
Há uns tempos atrás, reencontrei um grande amigo, passados muitos anos, e perguntei-lhe, no meio da conversa a por em dia "... e estás feliz?". Ele respondeu "mas isso é possível? alguém é?". E esta resposta mexeu muito comigo. Mas então vivemos para quê? Não é para sermos felizes? Há que "tentar" ser feliz dentro das condições que temos na nossa vida, tentando encontrar a felicidade nas pequeninas coisas que nos rodeiam, quando o que é mais importante não está bem? É essa a opção? Ou podemos tentar mudar o que está errado?
A mudança "custa muito caro"- como dizia a canção "nobody said it was easy" - mas muitas vezes é a solução. É aquela sensação  de cair num abismo e não se conseguir ver sequer por onde trepar para chegar lá acima de novo. Mas depois há a voz e as mãos daquelas pessoas que nos amam que nos puxam e chegamos lá acima bem mais fortes e equilibrados!

Porque a vida é assim mesmo. Um jogo de equilíbrios. E eu, finalmente, estou a sentir-me "equilibrada" de novo. E quero voltar a organizar-me para vos escrever e partilhar o meu dia-a-dia, no consultório, em casa com a minha família. Porque ESTOU FELIZ e quem me continuou a seguir merece ver o resultado de toda esta mudança.

Um até já! E um excelente 2018 para todos!



domingo, 22 de outubro de 2017

"Mousse de chocolate da Cátia"

Como eu já referi tantas vezes, esta mousse foi inspirada na receita de mousse do Jorge do blog Sem Aditivos.

É a minha sobremesa de referência, porque os ingredientes são óptimos e, tendo em casa, faz-se muito rapidamente!


Ingredientes:
200g de chocolate com 70% de Cacau (mínimo)
1 colher de sopa de óleo de côco
4 ovos
3 colheres de sopa de bebida de amêndoa


Enquanto se derrete o chocolate com o óleo de côco em banho-maria, separam-se as gemas das claras e batem-se as últimas em castelo.
Entretanto, deixa-se o chocolate arrefecer e junta-se-lhe a bebida vegetal. Batem-se as gemas com um garfo e acrescenta-se a mistura de chocolate. Envolve-se as claras e já está!



terça-feira, 4 de julho de 2017

Bolo de maçã e nozes pecan

Tal como prometido, aqui vai a receita do bolinho que fiz ontem para o lanche.
Tinha imensas maçãs maduras lá em casa e tinha que "lhes dar um jeito". Encontrei uma receita, limei umas arestas (para não variar), e cá está! Sinceramente, acho que foi o melhor bolo de maçã que fiz!


Precisei de:
1/2 chávena de manteiga derretida
1/2 chávena de mel
4 ovos
1/2 chávena de farinha de amêndoa
3 colheres de sopa de farinha de côco
1 colher de sobremesa de canela
1 colher de chá de fermento
1 chávena de nozes picadas
2 chávenas de maçã descascada cortada aos bocadinhos

Liguei o forno a 180ºC.
Bati os líquidos, juntei as farinhas, canela e fermento e misturei bem. Envolvi as nozes e as maçãs e deitei tudo numa forma de bolo inglês forrada com papel vegetal.
Levei ao forno por cerca de 40'.




terça-feira, 20 de junho de 2017

Queques de chocolate e frutos secos

Olá olá!
Ontem fui mais uma vez convidada para o programa Filhos & Cadilhos, do Porto Canal. Era um "especial Verão" e eu levei um gelado, umas mini quiches e uns queques de chocolate com frutos secos. Tudo óptimas opções para os nossos miúdos!
Tal como prometido, vou-vos falar dos queques que não são mais que uma adaptação da receita da mousse que faço sempre cá em casa.

Então precisei de:
200g de chocolate de culinária com 70% cacau
1 colher de sopa de óleo de côco
4 ovos
Pitada de sal
3 colheres de sopa de bebida vegetal
1 colher sopa bem cheia de polvilho doce
1 colher de café rasa de fermento em pó

Enquanto derretia o chocolate com o óleo de côco, separei as claras das gemas, bati-as em castelo (com a pitada de sal) e reservei-as. Depois bati as gemas e juntei-lhes a mistura de chocolate arrefecida. Depois o polvilho doce com o fermento, a bebida vegetal e, por fim, envolvi com as claras.

Distribuí pelas forminhas e polvilhei com frutos secos previamente salteados numa frigideira.

Foram ao forno 15'-20' a 150 graus. 



quinta-feira, 4 de maio de 2017

Bolo de Laranja com Cobertura de Chocolate

Como vos tinha dito, um dos bolos de aniversário não seria de chocolate, mas teria cobertura de chocolate. E a laranja combina tão bem com o chocolate (pelo menos nas minhas papilas gustativas!) que foi altura de arriscar numa adaptação deste bolo que eu já tinha visto e que tinha tão bom aspecto. A ideia era fazer bolos de cores diferentes, mas o medo de deixar sabores estranhos no bolo foi maior, por isso, havia realmente tonalidades diferentes, mas não o suficiente para se notar e eu partilhar como fiz (quando sair direitinho eu mostro).

Então, precisei de:
9 ovos
1 laranja
6 colheres de sopa cheias de amêndoa moída
3 colheres de sopa de farinha de arroz
3 colheres de sopa bem cheias de farinha de araruta
2 colheres de sopa de polvilho doce
9 colheres de sopa de azeite extra virgem
2 colheres de sopa de mel
canela a gosto
1 colher de chá bem cheia de fermento sem glúten
Pitada de flor de sal

Para recheio e cobertura:
200g de chocolate 70% cacau
1 colher de sopa de oleo de côco
1 colher de sobremesa de mel


Separei as gemas das claras e bati as claras em castelo.
Na Bimby, triturei a laranja inteira, juntei as gemas e todos os outros ingredientes e bati muito bem. Envolvi as claras e dividi a massa para dois bolos porque juntei os tais corantes naturais, mas, para já, aconselho a fazer mesmo só um bolo (depois corta-se a meio para rechear): forrei a forma com papel vegetal e levei a forno pré-aquecido a 180o durante cerca de 30min.

Entretanto, derreti os ingredientes para a cobertura e misturei bem.

Quando o bolo estava pronto, dividi a meio, e recheei e cobri com o chocolate derretido.

domingo, 23 de abril de 2017

Biscoitos de cacau e côco

Cucu!
Desta vez, trago uma receita bem fresquinha. Chamei-lhes biscoitos, mas não sei se devia. É que têm que ficar conservados no frigorífico e já vão perceber porquê. Levam apenas 4 ingredientes, demoram uns 5' a fazer e não vão ao forno! Querem melhor?


Então, usei:
1/3 chávena de mel
Misturei tudo em lume brando.
Tirei do lume e juntei 1 1/3 chávena de côco ralado.
Forrei um tabuleiro que coubesse no frigorífico com papel vegetal e dispus as bolachinhas bem prensadas (para ligar bem). 
Foram ao frigorífico durante a noite (e depois convém deixar para o óleo de côco não derreter).
Experimentem!

Ps: aproveitem para usar o meu cupão promocional na Prozis KEEPITPALEOPRZ-10 ;)